Agradecemos sua Visita!
Curta Nossa Página Oficial
Curta ou compartilhe esta publicação
Inscreva-se em nosso Canal

SESC promove Mostra de Curtas com produções locais


No dia 17/08, o Sesc Santos Dumont recebeu os analistas técnicos de cultura do Sesc MG, Fábio Belotte, responsável pela área de Cinema, Janaína Tábula, responsável pelos cursos de Arte e Cultura, Cadija Costa, Analista de Serviços Sociais de Juiz de Fora e Guilherme Portes, instrutor de audiovisual de Juiz de Fora para uma sessão de estreia somente com os alunos-realizadores. Com a casa cheia, houve a exibição dos filmes e com o debate entre alunos O resultado fi muito empolgante e admirado pelos representantes do Sesc.


O Sesc Santos Dumont realizada desde 2016 os cursos de audiovisual e tem se tornado referência nessa área dentro das unidades do Sesc em Minas Gerais.


Em dois anos de atividade, foram 5 turmas, mais de 50 alunos além de atividades que servem de complemento para a formação dos estudantes, como as sessões semanais do Cine Sesc, 3 Rodas de Conversa sobre audiovisual, o Festival do Minuto como ponto de exibição pela primeira vez em Santos Dumont, parceria com o Festival de Inverno de Santos Dumont e Mostra de Cinema de Santos Dumont.


Este semestre teremos a estreia oficial de 14 obras inéditas que foram produzidas pelos alunos.


As obras são individuais e algumas coletivas, todas elas foram a primeira experiência de realização dos autores, pode-se encarar como um primeiro exercício prático, mas o resultado foi tão positivo que muitos podem ser considerados realizadores de nível avançado, podendo, inclusive, concorrer em festivais.


Todo o processo de criação da ideia, produção e edição foi acompanhado.


Há uma nova força nascendo com esses artistas, Santos Dumont tem um histórico extenso em sua cultura, já tivemos na cidade três cinemas e grupos de realizadores que produziam suas obras audiovisuais no próprio município. Mas, com os cinemas fechados e realizadores mais afastados, o audiovisual permaneceu muito tempo sem atividade. Com esse quadro, houve a tentativa de resgatar a linguagem com a criação de mostra de cinema, que vem crescendo a cada ano e deve começar a ser alimentada com produções locais. Esses jovens iniciantes estão empolgados e podem alavancar novas produções fazendo o circuito girar continuadamente.


Agora há a intenção de criar um coletivo de produção audiovisual o "Coletivo Latinha", uma alusão ao ditado que circula na cidade com referências as atividades culturais que existiam no município e foram se acabando. As reuniões serão às sextas-feiras,às 18h00 no Sesc, todos estão convidados.


Dia 24/08, a estreia oficial aberta ao público. Classificação livre e entrada gratuita.


Confira as obras:



"A carta", coletivo, 3 min, ficção, 2017.

"Cansadão de comer feijão", coletivo, 3 min, paródia, 2017

"Correr, paixão de muitos", João Martins da Costa, 2 min, documentário 2017

"Esquizofrenia #1", Anna Paula Ribeiro Lopes, 1 min, ficção, 2017

"Esquizofrenia #2", Anna Paula Ribeiro Lopes, 1 min, ficção, 2017

"Eterna espera", Marcela Xavier Ribeiro, 2 min, ficção, 2017

Exercício de plano sequencia, Daniele de Santana Faria, 1 min, 2017

Exercício de montagem, Patrícia Caldas, 1 min, 2017

"Gentileza gera gentileza", Célio Marcos Dias, 1 min, ficção, 2017

"Godete", Glória Maria da Silva Alves, 2 min, ficção, 2017

"O amor nas pequenas coisas", Sefora Berg, 1 min, ficção, 2017

"Mãe é sagrada", coletivo, 2 min, ficção, 2016

"Marcas", Selma Carvalho, 8 min, documentário, 2017

"Santos Dumont em Santos Dumont", coletivo, 27 min, documentário, 2017


#MostradeCurtas #SESC #SantosDumont

Hiram Lima da Motta (Professor)

Juiz de Fora, Minas Gerais

A arte é o oxigênio da alma. A frase pode parecer um clichê, mas é exatamente assim que percebo a manifestação artística. Todos nós, temos algum talento, um dispositivo para oxigenar a nossa alma. Alguns apresentam um expresivo dom... Outros resguardam se... Existem talentos ocultos em toda parte... E nesse horizonte, eu descubro um veículo fundamental... A estrutura ideológica e organizacional da ABAQUAR CULT.. Abrindo seu leque revelador, incentivador e consagrador da cultura de seu povo... As várias vertentes artísticas de Santos Dumont... Tem essa plataforma fundamental de aperfeiçoamento, desenvolvimento e consagração dos talentos samdumonenses... A ABAQUAR CULT evoluindo a cada ano... Revelando... Incentivando... Promovendo talentos de todas as expressões.

1 / 1

Please reload